Sinjorgran completa 24 anos de luta pelos jornalistas

Imagem

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais da Grande Dourados (Sinjorgran) completa nesta segunda-feira (09) 24 anos de criação. Como forma de prestar contas e incentivar a categoria a participar do movimento, a diretoria elencou algumas das ações em 2013 e reafirmou o compromisso de defender os profissionais que diariamente se esforçam para informar a sociedade nos mais diversos meios de comunicação.

Combatendo o assédio e a precarização da profissão, o Sindicato manifestou repúdio contra a tentativa de censura prévia ao trabalho da jornalista Thalyta Andrade que cobria as reivindicações do Movimento Passe Livre na Câmara de Vereadores de Dourados, e repudiou a decisão da Câmara de Vereadores de Ponta Porã em oferecer vaga de “assistente de comunicação de imprensa” (exigindo apenas DRT), ao invés de jornalista, no concurso público.

Também entraram na lista os trabalhos da Comissão da Verdade dos Jornalistas que culminaram em um relatório sobre o caso da prisão e agressão sofrida pelo jornalista Theodorico Luiz Viegas, em 1972, acusado de subversão política, como forma de represália às denúncias que fazia contra a extorsão praticada por um delegado tendo como alvo taxistas e prostíbulos. O relatório foi encaminhado para a FENAJ (Federação Nacional dos Jornalistas).

Articulações nacionais

O envolvimento dos jornalistas da Grande Dourados nas mobilizações nacionais foi constante. Uma das articulações foi a pressão sobre os deputados federais para aprovação da PEC dos Jornalistas na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados, projeto que agora segue para os demais encaminhamentos, antes de votação em plenário.

Já o jornalista Luís Carlos Luciano, tesoureiro do Sinjorgran, conquistou com o apoio dos filiados do Sinjorgran, um importante espaço para o Mato Grosso do Sul junto à direção da FENAJ e assim continua a compor o quadro de diretores na entidade representativa nacional.

Melhorias salariais

Posicionando o jornalista enquanto trabalhador, a discussão dos Acordos Coletivos de Trabalho (ACT) foi feita pelo Sinjorgran com cada uma das quatro empresas que se envolvem na negociação e o menor piso salarial ficou em R$ 1.251,15. O maior é de R$ 2.036,99. Agora o sindicato continua a discutir com seus filiados como trazer ainda mais melhorias salariais e de condições de trabalho, já que os pisos pagos no município estão entre os mais baixos do país.

“Os avanços vão acontecendo a custa de muito trabalho. Há muito que se fazer enquanto Sindicato de Jornalistas. Os colegas sentem na pele que as condições de trabalho precisam melhorar e é pensando enquanto categoria que temos a chance de mudar esse cenário”, afirmou Luís Carlos Luciano.

União para vencer

“Toda organização é feita por pessoas e no Sinjorgran não é diferente. Todo jornalista, independente do veículo que trabalha, deve entender que sozinho não há vitória. É a união, o grupo, a mobilização conjunta que trará melhorias salariais, trabalhistas e na condição de vida de cada um e cada uma. Da nossa parte reafirmamos nosso compromisso de continuarmos trabalhando em prol da categoria, mas, para isso queremos contar com a participação de todos os jornalistas da Grande Dourados”, defende a presidenta Karine Segatto.

Como se filiar

Quem ainda não é filiado ou tem alguma pendência para voltar ao sindicato deve enviar e-mail para sinjorgran@gmail.com ou ligar no telefone 3422-5540. Outras informações e detalhes do trabalho da entidade podem ser visualizados no endereço www.sinjorgranms.wordpress.com ou em https://www.facebook.com/sinjorgran.dourados .

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s